Compre os Carimbos da minha Coleção para o Clube do Carimbo, clicando AQUI!

sexta-feira, 4 de setembro de 2015

Você valoriza o seu trabalho?Mas...e o do outro?

Gente, hoje quero desabafar um assunto meio polêmico, que não saiu da minha cabeça e me deixou bastante chateada ontem, mas que serviu de inspiração para a criação deste post. No final deu tudo certo e viramos amigas online!! ;-)

Senta que lá vem história...

Alguém me envia uma msg perguntando o valor do #KitSmash:
- Boa noite, quanto é e o que vem no kit smash?
Eu respondo e passo todas as informações do kit, preço e ainda envio foto do projeto pronto...

Algum tempo depois:
- Achei caro...são só esses recortes
Oi Brasiiiiil!??

#Comoassim só recortes??E o meu trabalho?E o meu tempo elaborando, comprando material, criando o projeto, montando os kits, levando aos Correios!???Isso não conta??!!Eu faço com prazer?!Faço!!Mas tenho custos e este é o meu trabalho!

Gente, por que é tão difícil valorizar o trabalho alheio??Da moça da faxina ao presidente dos EUA!!!Cada um cumpre o seu papel. Se a pessoa quer cobrar R$1000,00 em uma palestra online, tudo bem. Ela estudou, pesquisou e acima de tudo investiu tempo e dinheiro para fazer o que faz!!E tem alguém que não acha caro e paga pelo seu trabalho!!!Alguém que valoriza o trabalho dela...entende!?

É difícil mensurar preços, principalmente no trabalho artesanal!!Afinal é impossível calcular o tempo e as horas de trabalho de alguém. Costumamos calcular "de cabeça" apenas o custo com os materiais, o custo do que podemos "tocar" e levar para casa...não é!??

Agora só somos obrigados a comprar alimentos, remédios e caixão (este item nem é você que compra, néah!?) porque o resto a gente passa sem...inclusive "recortes", que você pode ir em qualquer papelaria e comprar vários bem baratinhos!

Então antes de desvalorizar o trabalho alheio, lembre-se:
1. Você não é obrigado a comprar;
2. A pessoa investiu tempo e dinheiro para fazer;
3. Cada um cobra o que acha justo, correto!??

Correto!!!Então agora vamos voltar à programação normal do blog...
Produção!!??

beijos e sejam felizes, com ou sem "recortes"¨*
Lü Sielskis

Agora, que tal me encontrarem nas redes sociais?!
Instagram: @lusielskis Fanpage: /benditoscrap Youtube: Lü Sielskis 
Snapchat: @lusielskis Periscope: @lusielskis

11 comentários:

  1. Lu, posts como esse sempre serão necessários. Sabemos disso. Vira e mexe, acontece de alguém acreditar que conhece mais sobre o nosso trabalho, nossos projetos. Sempre procuro me equilibrar em tudo o que envolve $$$ pensando em minhas (1º) necessidades, (2º) prioridades e (3º) possibilidades.
    É isso que eu penso e tem dado certo para mim.
    Beijos e bom findi.

    ResponderExcluir
  2. Gostei muito do post Lu! Eu não trabalho com isso, por enquanto só estou aprendendo e fazer por prazer mesmo, mas ja tenho notado o quando esse trabalho é desvalorizado, principalmente por pessoas que acham "Lindo", mas querem de graça. Parabéns

    ResponderExcluir
  3. Lu isso mesmo. ..um excelente post. Fico danada também quando isso acontece ....povo axa q agente brinca só pode....Até brinca ne lu pq fazemos com tanto amor q vira "brincadeira" mais seria pq como vc disse: tem nosso investimento nisso tudo bjussssss

    ResponderExcluir
  4. Lu, situações como essa vão acontecer sempre. Só quem faz sabe o trabalho e a dedicação que cada atividade exige. Tenho certeza que essa pessoa vai encontrar recortes bem baratos por aí. O que eu duvido é que eles terão a qualidade do seu trabalho! Vc disse bem: compra quem quer pode e quer! Afff!

    ResponderExcluir
  5. Oi Lu! Concordo plenamente com seu post, eu não trabalho com scrap faço apenas por prazer,pois é uma coisa que amo demais! E todo mundo que faz scrap independente se for pra comercializar ou apenas por prazer sabe o quanto os materiais são caros e o quanto tempo dedicamos para que o trabalho saia mais perfeito possível. O quão importante é ver um projeto sendo desenvolvido depois de mtas pesquisas e "só recortes", colagens etc...
    É bem o que tu diz, ninguém é obrigado a comprar, não gostou do preço, ok? Mas não desvaloriza o trabalho de quem dedicou horas nele..

    Tamo junto!! bate aí o/

    ResponderExcluir
  6. Percebo que, em geral, as pessoas não dão valor ao trabalho artesanal. Criar um projeto envolve tempo, dedicação, inspiração, criatividade etc. Depois de pronto parece fácil. Mas como vc disse bem, paga quem quer e da valor! Muito triste também é ver que muita gente gosta de copiar a ideia dos outros e ainda pensa que ninguém percebe.

    ResponderExcluir
  7. Apoiada! Ótimo texto, ótima explicação, se bem que nem teria que dar explicações pra ninguém! O importante é nós nos valorizarmos! Se a pessoa reclama é porque ela deve de fazer de graça tudo ou não faz nada! Beijos

    ResponderExcluir
  8. Marminina, agora pronto mesmo! Pois se achou caro, fia, economiza você mesma fazendo os recortes. Vai lá na loja, compra os papéis e corta. Simples assim. Eu amo scrap e é meu hobby. Várias pessoas perguntam porque eu não faço para vender, insistem que eu deveria ganhar dinheiro com isso. Eu apenas dou um sorriso e digo que quando começar a trabalhar com scrap, vai perder a graça. Mas o fato é que não teho paciência para lidar com esse tipo de coisa. Aborreço-me mesmo. Humpf!

    ResponderExcluir
  9. Amei Lu!!!
    Já passei por isso quando aceitava encomendas!!!
    Péssimo! Ficava arrasada!

    Beijosss

    ResponderExcluir
  10. Oi Lu :-)
    Muito desagradável mesmo essa situação. E a gente fica sem saber o que fazer ou responder, né?!?! Comigo já aconteceram coisas parecidas, mas sempre variando no mesmo assunto. E a dúvida de quanto cobrar pelo nosso produto+serviço é sempre grande. Bem complicado.
    E eu acredito que artesanato na verdade é um "supérfluo" e que vc só vai comprar se tiver a grana "sobrando". Portanto se vc ainda acha caro, não deve nem comprar, pq ainda está suplérfluo pra vc. Pois quem mesmo aprecia e respeita o artesanato, vai comprar e pagar sem reclamar do preço - pq sabe que está comprando algo que foi feito com muito gasto de tempo e carinho.
    Muito obrigada por compartilhar conosco a sua história, pois vê-se claramente que é uma coisa que acontece com muita frequência ainda - basta ver quantos comentários solidários. Uma pena. Beijão :-)

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita,seu comentário é muito importante para mim!!!

.Volte Sempre.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...